Angústia

Nunca sofri angústia maior. Gostaria de descrever seu rosto, seu jeito… mas não posso, meu desejo por ele é tamanho que me cega quando ele está por perto. Se fecho os olhos, tudo o que vejo é uma fração imobilizado dele, um instantâneo pinçado de um filme cinematográfico. Só consigo descrever seus traços empregando os termos mais banais: poderia dizer que seus cabelos eram castanhos e seus lábios vermelhos…
O espiritual e o físico haviam se fundido em nós com uma perfeição que jamais poderá ser compreendida pelos insípidos jovens de hoje, com seus modos grosseiros e mentes padronizadas. Muito tempo depois que ele se foi, eu ainda sentia seus pensamentos flutuando através dos meus. Muito antes de que nos encontrássemos, havíamos sonhado os mesmos sonhos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: