Olhos castanhos

Já não havia surpresas –ou havia apenas essa última, de não haver surpresa alguma. Para se torturar, ela continuou olhando e olhando para o rosto dele, como quem girasse a chave na ignição várias vezes, até se resignar o fato de que a bateria havia arriado. Rosto forte e impenitente: nada. Cabelo num desalinho de garoto: nada. Olhos castanhos e súplices…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: