A árvore da vida

O coração de um homem tem duas formas de encarar a vida.
A forma da natureza.
E a forma da graça.
Você deve escolher qual das duas seguir.
A graça não tenta agradar a si mesma.
Ela aceita ser desprezada, esquecida, rejeitada.
Ela aceita insultos e machucados.
A Natureza apenas tenta agradar a si própria.
Mas há outros para agradar também.
Ela gosta do poder.
De ter suas próprias escolhas.
Encontra motivos para ser infeliz, enquanto todo o mundo brilha a seu redor.
E o amor sorri para todas as coisas.
Nos ensinaram que ninguém que ama o caminho da graça tem um final infeliz.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: